Porto Seguro recebe Festival de Cinema em Trancoso

58

A Prefeitura de Porto Seguro está apoiando a realização do Festival Internacional de Cinema de Trancoso, que terá início neste domingo, 21, e segue até quarta-feira, 24, com uma programação de quase 50 filmes entre curtas e longas metragens para todas as idades e de toda as partes do Brasil, incluindo também co-produções internacionais.

Ciente da importância do evento tanto no âmbito cultural, quanto pelo apelo turístico, a Prefeitura está apoiando com uma cota financeira e a vinda de jornalistas para divulgação de Porto Seguro em importantes canais de comunicação cultural de São Paulo e Minas Gerais. “Trata-se de um novo produto gerador de demanda de visitantes e que atende à política cultural de apoio do município”, explicou Richard Alves, secretário de Cultura e Turismo de Porto Seguro.

A prefeita de Porto Seguro, Cláudia Oliveira, destaca que a gestão municipal não mede esforços para incentivar a realização de importantes eventos que geram movimento no turismo e na economia. “Só neste final de semana estamos recebendo o Brasil Ride, em Arraial D’Ajuda, e o Festival de Cinema de Trancoso, o que nos deixa muito feliz por entender que Porto Seguro tem grandes atrativos”, avaliou.

Programação do Festival

A cerimônia de abertura do Festival de Cinema será no Quadrado e aberta ao público. Os filmes de censura livre serão exibidos na Casa das Festas do Povo de Trancoso e nas paredes do fundo da igreja. As exibições serão gratuitas para toda a comunidade e turistas, e o conteúdo será educativo, de respeito e bom gosto.

Haverá ainda cursos de cinema com certificados, palestras para idosos e debates com os diretores. Os temas visam uma sociedade mais culta e menos preconceituosa. Já os filmes considerados “proibidos”, com censura de idade, serão exibidos no Espaço Trancoso, onde era o Café de La Musique, em frente a praia, mediante compra de ingressos.

“Estamos muito felizes com a realização do Festival nesta importante região do Brasil, em um evento que reúne história, memória, arquivo, cultura, e artes visuais a céu aberto, com uma ativa participação das pessoas da região e de todo o Brasil, atraindo um turismo de alto nível cultural para a região”, afirmou Flávia Barbalho, cineasta e produtora do evento.

Mais informações em www.festivaldecinemaproibido.com

Ascom – Prefeitura de Porto Seguro