Planejamento de atividades

PLANO DE AÇÃO PARA O ENFRENTAMENTO AO COVID-19 DA SECRETARIA DE SAÚDE

 

1 - REDE DE ATENÇÃO À SAÚDE DE PORTO SEGURO

A Atenção Primária à Saúde (APS), o município conta com uma população coberta de mais de 146.625 habitantes, o que representa cobertura em torno de 100%, composta por: 29 Unidades de Saúde da Família; 10 Unidades de Ponto de Apoio à saúde (Milton Santos, Chico Mendes, São José do Panorama, Palmares, Terra Nova, São Geraldo, Coqueiro Alto, Sapirara, Caraíva e Porto Alegre); 02 polos de Academia da Saúde (Vera Cruz e Vila Jardim); 06 núcleos de Academias ao ar livre (Arraial D’Ajuda Centro, Arraial D’Ajuda Bairro, Campinho, Pindorama, Cambolo e Centro); 43 equipes de Saúde da Família; 237 Agentes Comunitários de Saúde (ACS); 31 equipes de Saúde Bucal; e 04 equipes de Núcleos Ampliados de Saúde da Família (NASF).

Tipo de Serviço
Total
Equipes de Saúde da Família – ESF
43
Equipe de Saúde Bucal
31
Pontos de Apoio às ESF
10
Equipes de Saúde Indígena
05
Equipes do Núcleo de Apoio à Saúde da Família – ENASF
04
Academias da Saúde
02

Na Média Complexidade, a Rede de Atenção Psicossocial conta com 03 Centros de Atenção Psicossocial, cujas unidades possuem capacidade técnica instalada para acolhimento humanizado e integral, dotadas de ambiente terapêutico, equipe multidisciplinar, focada na clínica voltada reabilitação e reinserção social dos usuários, respeito às singularidades do sujeito, promoção da Autonomia e acolhimento com suporte familiar.

A Rede de Urgência e Emergência tem-se estruturado com foco no perfil de morbimortalidade do município marcado por causas externas e obedecendo ao desenho territorial do município com foco na acessibilidade e mobilidade do usuário. Assim, conta com uma unidade de Pronto Atendimento em Trancoso, UPA 24h no Complexo Frei Calixto, UPA 24h Arraial D’Ajuda, SAMU 192, Hospital Estadual Luís Eduardo Magalhães e Serviço de Atendimento Domiciliar – Melhor em Casa, registrando mensalmente mais de 24.000 atendimentos.

Na Atenção Ambulatorial Especializada, os serviços especializados vêm se estruturando na ótica das Redes de Atenção à Saúde e nas necessidades de saúde da população local, contando com uma Policlínica, um Centro de Reabilitação e Fisioterapia, e duas unidades de fisioterapia descentralizadas (Trancoso e Vera Cruz), Serviço de Tratamento Fora do Domicílio, Laboratório Municipal de Referência Regional, Centro de Especialidades Odontológicas e mais de 20 Clínicas da Rede Privada credenciada ao SUS Municipal, orquestrados e orientados pelo Complexo Regulador Dr. Heraldo Lima.

Serviços de Saúde Pública na Média e Alta Complexidade, 2020.

Tipo de Serviço
Total
Unidade de Pronto Atendimento- UPA 24 horas
02
Pronto Atendimento
01
Serviço de Atenção Domiciliar (Melhor em Casa)
02
Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMU 192
01
Centro de Atenção Psicossocial - CAPS (II, AD, IA)
03
Centro de Reabilitação e Fisioterapia
01
Complexo Regulador
01
Tratamento Fora do Domicílio – TFD
01
Laboratório Municipal de Referência Regional
01
Centro de Especialidade Odontológica– CEO
01
Policlínica Municipal
03
Serviço Assistência Especializada/Centro
Testagem Aconselhamento –SAE/CTA
01
Fonte: SMS, 2020

Por último, a Assistência Farmacêutica e a Vigilância em Saúde, dividida hierarquicamente nas vigilâncias epidemiológica, sanitária, ambiental, uma Unidade de Controle de Zoonose, um Centro de Testagem e Aconselhamento e um Serviço de Atenção Especializada em HIV/AIDS e hepatites virais, com suas inúmeras políticas de saúde específicas reorientam de modo transversal o modelo de atenção à saúde, ideologicamente orquestrado pela gestão municipal, com foco na vigilância e na promoção da saúde.

Todos esses serviços direcionam energia cotidiana para o acolhimento com classificação de risco dos seus usuários, com foco nos princípios doutrinantes do SUS e no direcionamento do acesso com qualidade, projetando desafios importantes para a gestão local na reorganização das práticas de saúde em Redes de Atenção.

Com isso, esse plano desenvolve atividades de vigilância, prevenção, controle de doenças e promoção da saúde em conformidade com as diretrizes do SUS. Tendo como objetivo principal a preparação de uma resposta rápida e coordenada para enfrentamento do Novo Coronavírus no município de Porto Seguro/BA.

 

2 – RECURSOS DISPONÍVEIS DA SECRETARIA DE SAÚDE PARA AUXILIAR NO ENFRENTAMENTO AO COVID-19

2.1 – Número de leitos, público e privado, disponíveis para atendimento aos pacientes suspeitos e/ou confirmados pelo COVID-19, no município de Porto Seguro

ESTABELECIMENTO
N° DE LEITOS DISPONIVEIS PARA O COVID-19
Clínico
UTI
Leitos c/ respirador
HOSPITAL LUÍS EDUARDO MAGALHÃES (HDLEM)
10
10*
0
PA COVID – UPA Frei Calixto
10
0
06
UPA Arraial D’Ajuda
04
0
01
PA Trancoso
02
0
0
HOSPITAL NAVEGANTES
04
0
0
HOSPITAL NEUROCOR
Não informado
Fonte: SMS, 2020. Dados atualizados em 06/05/2020. *Leitos de UTI disponíveis para os oito municípios da Microrregião de Porto Seguro (Belmonte, Eunápolis, Guaratinga, Itabela, Itapebi, Itagimirim, Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália).

 

2.2 – Recursos Humanos

Quantitativo de Recursos Humanos da Secretaria de Saúde de Porto Seguro – 2020.

Cargo
Efetivo
Efetivo Nomeado
Cargo Comissionado
Contratado
Total
Agente de Combate às Endemias
99
03
-
59
161
Agente Comunitário de Saúde
235
-
-
-
235
Agente de Limpeza Pública
05
-
-
-
05
Agente de Saúde
09
-
-
-
09
Administrador
01
-
-
-
01
Assessores (nível superior)
-
-
04
-
04
Assessores (nível médio)
-
-
03
-
03
Assistentes
-
-
02
-
02
Assistente Administrativo
09
03
-
-
12
Assistente Social
03
-
-
11
14
Atendente ESF
-
-
-
33
33
Atendente de Farmácia
-
-
-
09
09
Auxiliar Administrativo
28
-
-
43
71
Auxiliar de Enfermagem
11
-
-
-
11
Auxiliar de Laboratório
02
-
-
-
02
Auxiliar de Manutenção e Reparos
02
-
-
04
06
Auxiliar de Saúde Bucal
-
-
-
34
34
Auxiliar de Serviços Gerais
64
-
-
63
127
Bioquímico
02
-
-
03
05
Chefes
-
-
03
-
03
Condutor de Urgência e Emergência
-
-
-
04
04
Contador
01
-
-
-
01
Cozinheira
-
-
-
07
07
Digitador
02
-
-
-
02
Diretores
-
-
38
-
38
Educador Físico
-
-
-
04
04
Enfermeiro
40
01
-
45
86
Farmacêutico
05
-
-
05
10
Fisioterapeuta
05
02
-
11
18
Fonoaudiólogo
01
-
-
-
01
Gerentes
-
-
10
-
10
Guarda Municipal
09
-
-
-
09
Inspetor de Vigilância Sanitária
22
-
-
-
22
Instrutor de Ofício
01
-
-
-
01
Mecânico
01
-
-
-
01
Médico
24
-
-
42
66
Técnico em Laboratório
01
-
-
02
03
Técnico em Radiologia
03
-
-
10
13
Vigilante
-
-
-
32
32

 

2.3 – Logística

Tabela 4 – Quantitativo da frota de veículos da Secretaria de Saúde de Porto Seguro – 2020.

Tipo de Veículo
Total
Ambulância de Transporte Simples
14
 
Básica
31
SAMU
Avançada
01
 
Motolândia
01
Carros Administrativos
17

 

Ações Imediatas

Secretaria de Saúde

Problema

Impactos Epidemiológicos, Sociais e Econômicos da COVID-19 no município de Porto Seguro

OBJETIVO

Manter o número de casos dentro da capacidade técnica dos serviços de saúde da rede municipal

INDICADORES

Coeficiente de incidência, Taxa de mortalidade, Taxa de morbidade, Taxa de ocupação de leitos clínicos e de UTI, Média de permanência de hospitalização, Taxa de rotatividade de leitos.

Causas
Ação prevista
Ações desarticuladas no enfrentamento ao COVID-19
Instituir o Centro de Operações Emergenciais em Saúde Pública - COE Saúde
Dificuldade de aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e uso inadequado pelos profissionais de saúde
Garantir os EPIs necessários para os profissionais da saúde seguindo as normas técnicas para o enfrentamento ao COVID-19
Promover atividades de Educação Permanente em Saúde (EPS) quanto ao uso correto e racional do EPI para os profissionais de saúde.
Fixar cartazes em locais estratégicos demonstrando a paramentação de retirada dos EPIs
Estimular os profissionais para o uso correto e racional de EPIs
Ausência de fluxo assistencial ao paciente suspeita e confirmado de infecção pelo COVID-19
Reunir COE Saúde para estabelecer fluxos assistenciais para o município
Instituir fluxos assistenciais na Rede Municipal de Saúde para atendimento aos pacientes suspeitos e confirmados de infecção pelo COVID-19
Implantar fluxos assistenciais na Rede Municipal de Saúde para atendimento aos pacientes suspeitos e confirmados de infecção pelo COVID-19
Elaborar e atualizar nota técnica orientadora para manejo clinico dos pacientes suspeitos e confirmados pela infecção do COVID-19
Realizar reuniões (com até 20 pessoas) para apresentação dos fluxos assistenciais e nota técnica orientadora
Poucas atividades de Educação Permanente em Saúde (EPS) para os profissionais no enfrentamento ao COVID-19
Realizar EPS para as auxiliares de serviços gerais quanto a técnica correta de desinfecção correta das superfícies e objetos, uso correto do EPI e medidas de proteção
Promover EPS "in loco" para os profissionais da Rede de Urgência e Emergência (RUE) quanto ao manuseio correto dos ventiladores mecânicos e uso correto dos EPIs
Instituir parceria com o Núcleo de Educação Permanente do HDLEM e médicos especialistas para inserção dos profissionais da RUE nos treinamentos (intubação, PCR, avaliação de exames de imagem e entre outros)
Realizar treinamento para os profissionais de Saúde das equipes de investigação e coleta de exames domiciliar (PCR e teste rapido)
Realizar EPS para os demais pontos da Rede e seus profissionais quanto o uso correto de EPI e medidas de proteção
Aumento dos casos de crises de ansiedade e elevados níveis de estresse dos profissionais da saúde e população em geral
Realizar atendimentos individuais e em pequenos grupos para suporte psicológico dos profissionais de saúde e dos usuários
Agendar atendimento com o médico do trabalho para avaliação do quadro clinico do profissional.
Instituir atendimento online para escuta qualificada as demandas psicológicas dos pacientes e profissionais
Déficit de Recursos Humanos da secretaria de saúde devido o afastamento de profissionais de saúde do grupo de risco e o alto risco de infecção pelo COVID-19
Nomear responsáveis técnico para serviços de saúde
Elaborar e Publicizar Processo Seletivo Simplificado para contratação emergencial de profissionais de saúde para enfrentamento ao COVID-19
Aumentar número de profissionais para investigação e coleta de exames domiciliar dos casos suspeitos de COVID-19
Encaminhar para home oce, com acompanhamento do chefe imediato das tarefas, os profissionais da saúde do grupo de risco
Ausência e/ou insuficiência de insumos e equipamento específicos para o enfrentamento da COVID-19
Adquirir medicamentos para tratamento dos pacientes com COVID-19, principalmente os medicamentos de terapia intensiva
Adquirir torpedos de Oxigênio para ampliação da reserva técnica
Adquirir filtros bacteriológicos para ventilação mecânica
Adquirir de Sistema de aspiração fechado (Trak Care) para pacientes que estiverem sob ventilação mecânica
Adquirir equipamentos para monitorização de sinais vitais dos pacientes (Monitor multiparâmetros, oximetria de pulso, otoscópios, ventiladores pulmonares e entre outros)
Adquirir de 500 testes rápidos com marcador IGG e IGM para a população em geral
Credenciar empresa de exames laboratoriais com disponibilidade para realização de exames 24h para realizar os exames específicos para o COVID-19
Garantir os insumos para realização de exames diagnóstico e outros recursos necessários para operacionalização da coleta, acondicionamento e transporte das amostras.
Ampliar o número de veículos e motoristas para as equipes de investigação e coleta de exame em domicílio, transporte de amostras e outras demandas dos serviços de saúde
Insuficiência de leitos clínicos e de UTI no município e região para internação dos pacientes suspeitos e/ou confirmados de infecção pelo COVID-19
Estruturar a Rede Municipal de Saúde para o manejo clinico dos pacientes estratificados como leve, intermediário e grave.
Ampliar o horário de atendimento das USF com a finalidade de assegurar o acesso das pessoas com Síndrome Gripal.
Instalar o PA COVID na UPA Frei Calixto para realização dos atendimentos dos pacientes suspeitos e/ou confirmados, estratificados como intermediário
Articular com o HDLEM e o Governo do Estado a ampliação de leitos clínicos e de UTI no hospital local, para atendimento dos casos graves
Articular parceria com o Governo do Estado para disponibilização de recursos materiais e financeiros para instalação do PA COVID
Inadequação da estrutura física da UPA Frei Calixto para o manejo clinico aos pacientes suspeito e/ou confirmado de infecção pelo
Realizar adaptações na estrutura física da UPA Frei Calixto
Realizar a manutenção corretiva da Rede de Gases permitindo assim o uso correto dos equipamentos (ventilador mecânico)
Necessidade de atendimento de saúde as pessoas em situação de rua
Articular com a Secretaria de Assistência Social ações conjuntas para atendimento as pessoas em situação de rua
Promover atendimento de saúde dos profissionais médico, enfermeiro, técnico em enfermagem e assistente social aos usuários em situação de rua e articulação para seguimento das necessidades sociais e de saúde desses usuários.
Aumento do número de casos suspeitos e/ou confirmados pelo COVID-19
Instalar sala de situação no município com monitoramento de dados epidemiológicos (Coeficiente de incidência, Taxa de mortalidade, Taxa de cura, Taxa de morbidade, Taxa de ocupação de leitos clínicos e de UTI, Média de permanência de hospitalização, Taxa de rotatividade de leitos, Distribuição dos casos confirmados por faixa etária e sexo, distribuição de casos por bairro, número de profissionais da saúde infectados e outros)
Confeccionar Boletim Epidemiológico diariamente
Realizar investigação e coleta de exame laboratorial de casos suspeitos da doença
Monitorar casos suspeitos e confirmados da doença
Realizar coleta para PCR ou teste rápido em 100% dos profissionais de saúde suspeitos de infecção pelo COVID-19
Instituir parcerias com instituições de ensino superior na criação de projetos de Telemedicina de acompanhamento e monitoramento dos pacientes suspeitos e/ou confirmados pelo COVID-19
Divulgação de FAKE NEWS fragilizando a informação qualificada a respeito do COVID-19 para a comunidade
Intensificar as orientações as pessoas no território adscrito das USF sobre o COVID-19
Instituir o call Center para esclarecimento de dúvidas, reclamações, sugestões e denuncias
Confeccionar e publicizar peças de divulgação sobre o COVID-19 nas Redes Sociais
Divulgar Boletim Epidemiológico diariamente dos casos gerais, por localidades e por categoria profissional da saúde e segurança
Instituir página de internet e manter atualizada, para divulgação de informações para comunidade, notas técnicas, fluxos assistenciais, boletim epidemiológico e entre outros.
Descontinuidade do cuidado em saúde das demandas de rotina da rede
Reorganização dos atendimentos eletivos da saúde bucal
Reorganizar os atendimentos e processo de trabalho da Saúde Mental (redução do horário de atendimento ao público, atendimento e
entrega de medicamento em domicílio e entre outros)
Reorganizar fluxos de atendimento ambulatorial de consultas e exames para grupos prioritários: gestantes, pacientes com Glaucoma,
pacientes oncológicos, pacientes do melhor em casa, pacientes do SAE IST, hepatites e sífilis, portadores de Tb e Hanseníase e pacientes
em reabilitação.
Realizar coleta para PCR ou teste rápido em 100% dos profissionais de saúde suspeitos de infecção pelo COVID-19
Instituir parcerias com instituições de ensino superior na criação de projetos de Telemedicina de acompanhamento e monitoramento dos pacientes suspeitos e/ou confirmados pelo COVID-19
Alto risco de contaminação pelo COVID-19
Desinfeccionar/sanitizar ruas e estabelecimentos estratégicos, com alto risco de contaminação pelo COVID-19
Realizar cotação de preços para instalação de túnel desinfecção/sanitização em estabelecimentos de saúde com alto risco de contaminação
Aglomeração de pessoas e o descumprimento das medidas emergenciais no comércio
Fiscalizar os estabelecimentos comerciais para analisar o cumprimento das medidas emergenciais
Instituir parcerias com outras secretarias e órgãos públicos na fiscalização dos estabelecimentos comerciais, com a finalidade de evitar aglomerações.

Ações de Curto Prazo

Secretaria de Saúde

Problema

Impactos Epidemiológicos, Sociais e Econômicos da COVID-19 no município de Porto Seguro

OBJETIVO

Manter o número de casos dentro da capacidade técnica dos serviços de saúde da rede municipal

INDICADORES

Coeficiente de incidência, Taxa de mortalidade, Taxa de cura, Taxa de morbidade, Taxa de ocupação de leitos clínicos e de UTI, Média de permanência de hospitalização, Taxa de rotatividade de leitos

Causas
Ação prevista
Superlotação da Rede Municipal de Saúde
Ampliar os leitos clínicos no PA COVID, quando o número de atendimentos e internações for superior a 10 leitos simultâneos ocupados,
necessário que a UPA Frei Calixto fique com atendimento 100% COVID
Adequar Unidades de Saúde da Família para atendimento 24 hr para as demandas de urgência da UPA
Realizar contratação de profissionais de saúde, conforme Processo Seletivo Simplificado, de acordo com as lacunas do momento
Realização de atendimento psicológico e psiquiátrico para os profissionais de saúde e pacientes com transtornos de ansiedade e outras alterações mentais, de maneira presencial e/ou a distância
Intensificar a distribuição e administração dos medicamentos no domicílio para os pacientes do grupo de risco do município.
Discutir a necessidade de implantação de novas estratégias, conforme o cenário atual.
Solicitar apoio do Governo do Estado, se necessário, para ampliação dos leitos no HDLEM ou criação de hospital de campanha.
Aumento do risco de contaminação dos profissionais da saúde e proliferação do vírus para contatos e familiares
Garantir os EPIs necessários para os profissionais da saúde seguindo as normas técnicas que estão na linha de frente no combate ao COVID-19
Instalar túnel desinfecção/sanitização em estabelecimentos de saúde com alto risco de contaminação
Monitorar os casos de COVID-19 em colaboradores da saúde
Promover o redimensionamento dos profissionais de saúde, visando o atendimento às urgências do COVID 19
Aumento do número de atendimentos de pacientes suspeitos e/ou confirmados de infecção pelo COVID-19
Assegurar a manutenção de insumos e equipamentos necessário para atendimento aos pacientes
Intensificar as atividades da sala de situação e monitoramento
Realizar coleta de exame laboratorial (PCR) apenas para os pacientes graves e internados
Manter a confecção do Boletim Epidemiológico
Intensificar a desinfecção/sanitização ruas e estabelecimentos estratégicos, com alto risco de contaminação pelo COVID-19
Reorganizar os atendimentos dos serviços de saúde municipal, com a manutenção das atividades dos serviços estratégicos
Aglomeração de pessoas e o
descumprimento das medidas
emergenciais no comércio
Solicitar ao COE Municipal a necessidade de instituir o LOCKDOWN (fechamento) do município
Intensificar as atividades de fiscalização
Divulgação de FAKE NEWS de informações sobre a doença
Intensificar as atividades de comunicação para o COVID-19
Manter atualizada a página de internet para divulgação de informações para comunidade, notas técnicas, fluxos assistenciais, boletim epidemiológico e entre outros.

Ações de Médio Prazo

Secretaria de Saúde

Problema

Impactos Epidemiológicos, Sociais e Econômicos da COVID-19 no município de Porto Seguro

OBJETIVO

Manter o número de casos dentro da capacidade técnica dos serviços de saúde da rede municipal

INDICADORES

Coeficiente de incidência, Taxa de mortalidade, Taxa de cura, Taxa de morbidade, Taxa de ocupação de leitos clínicos e de UTI, Média de permanência de hospitalização, Taxa de rotatividade de leitos, Distribuição dos casos confirmados por faixa etária e sexo, distribuição de casos por bairro, número de profissionais da saúde infectados

Causas
Ação prevista
Descontinuidade do cuidado em saúde das demandas de rotina da rede
Reorganizar os fluxos de atendimento das demandas de rotina da Rede de Atenção à Saúde
Redirecionar os profissionais da saúde para suas lotações de origem
Estabelecer plano de ação para diminuir as filas das demandas reprimidas: atendimento especializado, exames, procedimentos eletivos e entre outros.
Restabelecer fluxos de atendimento ambulatorial de consultas e exames para grupos prioritários: gestantes, pacientes com Glaucoma, pacientes oncológicos, pacientes do melhor em casa, pacientes do SAE IST, hepatites e sífilis, portadores de Tb e Hanseníase, psiquiátricos e pacientes em reabilitação.
Minimizar os impactos ocasionados pelo COVID-19 no município
Realizar relatórios avaliativos das ações implantadas no município no enfrentamento ao COVID-19
Apoiar as demais secretarias da Prefeitura Municipal de Porto Seguro na retomada das suas atividades
Permanecer com o monitoramento de possíveis casos suspeitos, minimizando as possibilidades de uma nova onda da doença
Adotar e publicizar novas medidas sanitárias na prevenção e controle da doença no município